Encontro entre tucanos: Martim Tressoldi se reúne com deputado em Osório

A instalação de uma das três maiores empresas produtoras de descartáveis do País em Osório e a doação de um terreno para a UNICNEC, foram um dos assuntos abordados pelos tucanos

Infraestrutura, educação e geração de empregos foram assuntos abordados, nessa quinta-feira (12), em uma reunião entre o presidente da Câmara Municipal de Vereadores de Osório, Martim Tressoldi, o deputado estadual Pedro Pereira e a assessora parlamentar Marilda Campos, ambos do PSDB. Na oportunidade, o presidente do Poder Legislativo, Martim Tressoldi, contou orgulhoso sobre grandes investimentos que estão sendo realizados em Osório, com a autorização dos vereadores.

“Aprovamos por unanimidade, a doação de um terreno da Prefeitura Municipal, avaliado em aproximadamente R$ 1,8 milhão. No local será construído um novo prédio para os cursos de Engenharia Civil e Arquitetura e Urbanismo do Centro Universitário Cenecista de Osório” informou o vereador. A escritura pública de doação foi assinada nessa quinta-feira (12), no auditório da instituição.

Outra novidade destacada no encontro entre os tucanos foi a instalação de uma das três maiores empresas produtoras de descartáveis do País, a Cristalcopos Descartáveis, que adquiriu a Multplas, situada na Estrada Municipal José Oliveira Ouriques, na localidade de Capão D´Areia. “São muito importantes os investimentos de grandes empresas no munícipio, o que faz gerar desenvolvimento, emprego e renda para a população” comemorou Tressoldi.

O deputado Pedro Pereira salientou a importância desses investimentos no município e elogiou o trabalho que está sendo realizado na cidade, como na área de infraestrutura. Ele também falou ao presidente legislativo osoriense sobre importantes assuntos em tramitação na Assembleia Legislativa.

Pereira é autor de projetos que visam o fim de regalias e gastos desnecessários, como o que prevê a venda imediata de bens de luxo do Estado, destinados a férias e lazer, como por exemplo, o Palácio das Hortênsias, situado em Canela, na Serra Gaúcha.

O parlamentar tucano lamentou que propostas de sua autoria barram na burocracia. “É preciso acabar com as regalias de ex-governadores e suas viúvas que recebem uma aposentadoria especial, e pior, pagas com dinheiro público. Em 2015, protocolei um projeto de Lei e até hoje aguarda o parecer do deputado Gabriel Souza (PMDB), na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), da Assembleia Legislativa” lamentou.

COMPARTILHAR