Projeto para construção de mais parques eólicos é apresentado ao governo

Dois complexos eólicos devem ser construídos no Litoral e na Campanha por uma empresa alemã; o investimento será de R$ 3,3 bilhões

O Governo do Estado divulgou nesta quinta-feira (13), a possível implantação de mais dois complexos eólicos no Rio Grande do Sul, um no Litoral Norte e o outro na região da Campanha. O anúncio ocorreu após uma reunião entre à secretária de Minas e Energia, Susana Kakuta e o diretor Paulo Yazbek, da Innovent Invest empresa fundada na Alemanha.

Yazbek apresentou os detalhes do projeto que deverá pretende ampliar a capacidade de geração eólica em 686 megawatts (MW). No Litoral Norte, o investimento será de R$ 2,5 bilhões. Os parques serão construídos em Capivari do Sul, Cidreira, Osório e Tramandaí. “Será o Complexo Eólico da Fortaleza, construiremos 262 torres, com capacidade instalada de 524 MW” destacou.

Na região da Campanha, o diretor informou que serão investidos R$ 800 milhões na implantação do Complexo Eólico Três Cerros. “Serão construídas 81 torres, com capacidade instalada de 162 MW, nos municípios de Bagé e Dom Pedrito” disse Yazbek.

De acordo com Susana Kakuta, os projetos são importantes, com alto impacto local, uma vez que atuam em prol da sustentabilidade energética. “Os projetos vão ampliar a capacidade eólica e gerar mais arrecadação. Os arrendamentos são uma alternativa de receita aos proprietários da terra”, afirmou.

COMPARTILHAR