“Conseguimos ver, nos olhos dele, a gratidão”, diz bombeiro ao reencontrar garoto que salvou

Após ter a vida salva pela equipe do Corpo de Bombeiros de Santo Antônio da Patrulha, o menino Francisco retornou ao quartel. O reencontro teve direito a passeio no caminhão de combate a incêndio.

Quatro dias depois de ter a vida salva pelos bombeiros em Santo Antônio da Patrulha, o menino Francisco Gil Bitencourt, de três anos, retornou, nesta quarta-feira (21), ao quartel da corporação no município. O garoto, os pais e avós foram agradecer pelo salvamento na manhã do último sábado (17), quando a criança estava desmaiada e sem respirar ao se engasgar após tomar uma mamadeira.

O reencontro foi marcado por muita emoção. O garoto, que é fascinado pelos bombeiros, viveu um dia como o dos heróis que o salvaram. Teve direito até a um breve passeio no caminhão de combate a incêndio. Junto com o pai, o menino sentou no veículo e até foi convidado para acionar a sirene da viatura.

O sargento Gabriel Chaves olhou para Francisco e questionou: “Quer ligar? Liga o botão ali, aperta neste botão aqui”. Um pouco tímido, no colo do pai, o garoto parecia não estar acreditando. Bastou mais um estímulo dos companheiros de cabine e o menino esticou o braço e acionou a sirene, antes de um breve passeio nas proximidades da base do Corpo de Bombeiros Militar (CBM). ( VEJA O VÍDEO ABAIXO)

Reencontro teve até passeio em caminhão de bombeiro. Foto: Divulgação

“É muito emocionante rever o Francisco. Nós nos emocionamos muito, visto o carinho que os pais demonstraram conosco, agradecendo o serviço que nós prestamos. Nós ficamos agraciados porque a gente sabe que uma vida não tem preço. E podermos fazer diferença, salvar uma vítima é muito gratificante”, disse o sargento Chaves ao Litoral na Rede.

Os outros dois militares que participaram do salvamento também ficaram emocionados com o reencontro. “A gente conseguiu ver, nos olhos dele, a alegria e a gratidão pelo nosso serviço. Tudo o que a gente almeja na nossa profissão é ajudar as pessoas e poder receber isso em troca”, afirmou o soldado Dornelles.

O soldado Da Mata disse que os momentos com o garoto e com a família foram muito valiosos. “Ver ele cheio de vida, cheio de alegria, é muito legal, muito gratificante e sinal que nosso serviço foi bem feito”, disse o bombeiro.

Depois do susto do último fim de semana, a auxiliar de escritório Brendha Bitencourt Cardoso fez questão de levar um cartão e uma lembrança aos bombeiros que salvaram seu filho. “Foi muito bom revê-los em um momento melhor. O Francisco estava muito feliz, deram toda a atenção pra nós”, disse a mãe.

Segundo Brendha, Francisco está bem. Ele teve alta do hospital na manhã do último domingo (18), após ficar quase um dia internado. O garoto sofreu uma convulsão, na manhã anterior, aproximadamente 30 minutos após tomar a mamadeira, e se engasgou.

Veja o vídeo

 

 

 

COMPARTILHAR