Foragido por roubo a banco é capturado em Arroio do Sal

Criminoso era procurado há quase um ano; o roubo a banco terminou com a morte de um inocente  

Foto: Litoral na Rede / Arquivo

Um homem acusado de ter participado de um roubo a banco, que terminou com a morte de um inocente, foi preso em uma operação da Brigada Militar (BM), realizada na manhã desta terça-feira (7), em Arroio do Sal. O criminoso estava foragido da justiça, desde agosto do ano passado, quando arrebentou uma tornozeleira eletrônica.

A BM realizou a operação após receber informações de que o criminoso estaria escondido na região. A ação para capturar o foragido teve o apoio dos policiais militares dos setores de inteligência do Batalhão de Operações Especiais da Brigada Militar (BOPE/BM), do Comando Regional de Polícia Ostensiva do Litoral (CRPO/Litoral) e do Pelotão de Força Tática do Batalhão de Policiamento de Áreas Turísticas.

De acordo com a BM, o homem foi abordado na Avenida Federal, após os policias militares o monitorarem. Com 69 anos de idade, o criminoso tem outros antecedentes criminais, além do roubo a banco com morte. Ele é acusado por crimes contra a fauna, receptação, porte ilegal de arma, ameaça, furto arrombamento, lesão corporal, furto de veículo, roubo a estabelecimento bancário com lesões e estelionato.

Roubo a Banco

O roubo a banco ocorreu em outubro de 2011, em Nova Petrópolis, Serra Gaúcha. Um homem que estava conduzindo um veículo, foi morto a tiros, quando trafegava próximo a agência bancária. A morte ocorreu após a ação da quadrilha que explodiu um caixa eletrônico.

COMPARTILHAR