Mulher

Basta colocar seu nome em sonoridade para que se perceba o grau sublime que envolve o gênero feminino, cercado desde sempre de muitas e grandes qualidades que advém, para os crentes, do seu nascedouro, como fazendo parte, como sendo um ente companheiro, um ser que agrega, uma pessoa que concebe outra vida e protege. Muitas são as suas auras manifestas e tantas outras considerações tiveram que vir a ser conquistadas.

Mas é certo que tudo o que lhe faltava, por qualquer motivo que fosse não lhe parecia despercebido e assim, incansável, a mulher segue seu destino não somente como geradora de vida, mas como grande agente de transformação do seu entorno seja ele familiar ou social.

Tantos casuísmos mutantes lhe vêm ao encalço desde sempre e por ser do sexo feminino remete a si mesma todas as armas que lhe foram dispostas muitas sem reconhecimento imediato, mas a historia vem comprovar que a guerreira em questão neste dia não deixa barato o que tudo de melhor souber fazer.

Melhor começar pela beleza que a persegue mesmo que ela não a tenha por conta de ser, mesmo que não lhe cause nenhum formigamento maior na sua composição, mesmo que para si este requisito não lhe facilite, muito pelo contrário, obstaculiza de certa forma este predicado que tanto pode servir para o bem ou para o mal e somente seu discernimento colocará toda audácia no seu devido lugar.

O gênero feminino não arrefece em nenhuma hipótese seus ganhos na sociedade e assim vai se impondo um jeito mais sutil de enfrentar e transformar questões mais espinhosas, perceber maneiras corretas de valorizar o silêncio, de afastar-se para depois voltar, reverenciar a cadência da vida, aprumar as diferenças e tudo o mais que necessitar mais tempo para solução.

A perspectiva de se ter ao lado uma pessoa que monitora com sensibilidade sem precedentes múltiplas caminhadas tem dia certo de homenagem o que dá a todos um pouco de tempo para pensar. É com o feminino que se garante a importância do gênero, o alicerce das famílias, a educação e a sociedade.

COMPARTILHAR