Polícia investiga assassinato de idoso cometido pelo próprio filho Tramandaí

Segundo a Brigada Militar, o suspeito ainda ateou fogo na residência

A polícia investiga a motivação do crime. Foto: Divulgação / 2º BPAT

A Polícia Civil investiga a morte de um homem de 66 anos de idade na madrugada deste domingo (26) em Tramandaí. O filho da vítima tinha 38 anos e foi preso em flagrante pelo homicídio registrado em uma residência da Avenida Emancipação.

Após denúncias de disparos de arma de fogo, a Brigada Militar chegou ao local para atender a ocorrência. Os policiais foram informados de que o suspeito havia matado o próprio pai dentro de casa e colocado fogo na moradia.

O corpo do idoso foi encontrado carbonizado, o que dificultou qualquer identificação de marcas de tiros. Ele foi encaminhado para necropsia. O Instituto Geral de Perícias esteve no local.

Segundo o delegado Paulo Perez, a partir desta segunda-feira, serão ouvidas mais testemunhas. Com o andamento da investigação, será possível descobrir a motivação do crime e se a morte foi provocada pelo incêndio ou por disparos de arma.

O filho da vítima tem antecedentes por furto qualificado, dano e ameaça, enquanto o homem assassinado tem quatro antecedentes por ameaça, um de atentado violento ao pudor e outro de calúnia.

COMPARTILHAR