Polícia prende quadrilha de abigeatários que agiu em diversos municípios do Litoral

Segundo a investigação, criminosos furtaram pelo menos 300 cabeças de gado em 2019

Mais de 80 agentes da Polícia Civil e fiscais agropecuários deflagraram nesta segunda-feira (02) uma operação contra uma quadrilha de abigeatários que cometeu diversos furtos de animais em vários municípios do Litoral Norte. Segundo a Polícia, o grupo criminoso atuou em Santo Antônio da Patrulha, Palmares do Sul, Capivari do Sul, Osório, Tavares, Maquiné e Mostardas, entre outros municípios do Rio Grande do Sul.

A Operação Regresso ganhou este nome por ter sido o retorno de uma modalidade de abigeato, em que os bandidos utilizam caminhões para furtar grande quantidade de bovinos de uma só vez. Segundo a Polícia, esta forma de ação estava praticamente extinta desde o ano de 2017.

Oito pessoas foram presas, sete delas preventivamente e outra em flagrante, por posse irregular de arma de fogo. Os mandados de prisão e de busca e apreensão foram emitidos pela Justiça de Palmares do Sul, após três meses de investigação. As prisões e buscas ocorreram nas cidades de Caxias do Sul, Gravataí, Viamão e Minas do Leão.

A Polícia suspeita que a quadrilha tenha furtado pelo menos 300 animais em 2019 no Estado. De acordo com a Delegacia Especializada em Repressão aos Crimes Rurais e Abigeato, os animais eram carregados em caminhões boiadeiro e levados para a região metropolitana, alguns ficavam em confinamento e depois eram abatidos.

COMPARTILHAR