Primeiro turno das eleições já altera composição da AL em 2021

Sete estavam disputando o cargo executivo em cidades gaúchas

Foto: Galileu Oldenburg | Agência ALRS

Neste primeiro turno das eleições municipais, dos 55 deputados da atual Legislatura da Assembleia Legislativa, sete estavam disputando o cargo executivo em cidades gaúchas. Encerrada esta etapa, o deputado Fábio Branco (MDB) foi eleito prefeito de Rio Grande enquanto outros dois deputados – Sebastião Melo (MDB) e Pepe Vargas (PT) – disputarão no segundo turno, respectivamente, as prefeituras de Porto Alegre e Caxias do Sul.

Os outros quatro deputados não tiveram sucesso na corrida eleitoral. Dois deles disputaram a prefeitura de Porto Alegre – Juliana Brizola (PDT) e Rodrigo Maroni (PROS) -, enquanto Carlos Búrigo (MDB) buscou o cargo em Caxias do Sul e Luiz Fernando Mainardi (PT) em Bagé.

Titularidade

Carlos Búrigo, suplente da bancada do MDB em substituição ao deputado Juvir Costella, que assumiu a secretaria de Transporte e Mobilidade, deverá assumir a titularidade do mandato na vaga de Fábio Branco. Patrícia Bazotti Alba assume, então, como primeira suplente na vaga de Costella. E caso Sebastião Melo se eleja prefeito de Porto Alegre, na sua vaga entrará a vereadora Nadia Gerhard, ex-MDB e atualmente no DEM.

Já na bancada do PT, em caso de vitória de Pepe Vargas em Caxias do Sul, a vaga será da primeira suplente da legenda, a ex-deputada Stela Farias.

COMPARTILHAR