Saiba quem são os pré-candidatos à Prefeitura de Tramandaí

Luiz Carlos Gauto e Edegar Rapaki voltarão a se enfrentar nas urnas; Custódia Bergues da Silva e os estreantes em eleições Rodrigo Lemos e Luciano Cherobini também estão na disputa pelo cargo de prefeito

Imagem: Litoral na Rede

A disputa pela Prefeitura de Tramandaí tem cinco pré-candidatos. Progressistas e MDB, que vêm se alternando na gestão do segundo maior município do Litoral Norte, além de PTB, Solidariedade e Podemos devem confirmar os nomes dos postulantes ao cargo de prefeito em convenções previstas para as próximas semanas.

No início da noite desta quinta-feira (03), o MDB anunciou o nome de Edegar Munari Rapaki para concorrer no pleito do próximo dia 15 de novembro. Os vereadores Juarezinho Marques e Clairton Sessim, que também eram pré-candidatos, aderiram ao nome do ex-prefeito.

Com isso, Rapaki e o atual prefeito, Luiz Carlos Gauto (Progressistas), voltarão e se enfrentar nas urnas. Em 2016, Gauto venceu por uma diferença de 3.443 votos. Mas desta vez, ao contrário de quatro anos atrás, eles não estarão sozinhos na disputa. Pelo menos outros três nomes devem estar à disposição dos eleitores de Tramandaí nas urnas eletrônicas.

A ex-prefeita de Cidreira e empresária Custódia Bergues da Silva, é a pré-candidata do PTB. Os outros são estreantes em eleições: Rodrigo Lemos, conhecido como Rodrigão, é o pré-candidato do Solidariedade. Já o Podemos, tem como pré-candidato Luciano Cherobini, conhecido como Luciano do Gás.

O tenente Paulo Krambeck, que havia anunciado sua pré-candidatura pelo PRTB, desistiu de concorrer nesta eleição. Ele informou, nessa quarta-feira (02), que saiu do partido. “Não posso trabalhar para um partido que não valoriza a retidão de caráter e não reconhece nossos esforços” afirmou.

Veja quem são os pré-candidatos em Tramandaí, em ordem alfabética.

Custódia Bergues da Silva (PTB)

Custódia Bergues da Silva – PTB / Foto: divulgação

A empresária de 67 anos é a pré-candidata do PTB à Prefeitura de Tramandaí. A única mulher que deve concorrer na eleição majoritária no município é professora, já foi secretária municipal e coordenadora regional de Educação, além de ser a primeira titular da pasta de Assistência Social na cidade. Entre 2001 e 2004, foi prefeita de Cidreira. A convenção do PTB para confirmação do nome Custódia está prevista para 14 de setembro.

Edegar Munari Rapaki (MDB)

Edegar Munari Rapaki – MDB / Foto: divulgação

O empresário e advogado já disputou cinco eleições para prefeito de Tramandaí e foi eleito para quatro mandatos. Rapaki, de 70 anos, administrou o município nos períodos de 1993/1997, 2001/2004, 2005/2008, 2013/2016.  O emedebista também foi eleito para quatro mandatos como vereador do município. A convenção que deve confirma-lo como candidato à Prefeitura está prevista para o dia 15 de setembro.

Luciano Cherobini (Podemos)

Luciano Cherobini – PODEMOS / Foto: divulgação

O empresário do setor de gás de cozinha (GLP), mais conhecido como Luciano do Gás, tem 41 anos e nunca disputou uma eleição. Ele já atuou em outras áreas da iniciativa privada, como as de materiais de construção e de propaganda e marketing. No serviço público, trabalhou na Prefeitura de cidade de Parobé, no início dos anos 2000, onde participou da implantação da política pública de combate ao mosquito Aedes Aegypti e da Lei de Responsabilidade Fiscal.  A convenção do partido está marcada para 13 de setembro.

Luiz Carlos Gauto da Silva (Progressistas)

Luiz Carlos Gauto da Silva – Progressistas / Foto: divulgação

O atual prefeito de Tramandaí e candidato à reeleição tem 62 anos, é formado em História e Estudos Sociais. Integrou a Brigada Militar entre 1977 e 2008 e é tenente coronel da reserva. Antes de ser prefeito, foi vereador do município e secretário de Assistência Social.  A convenção do Progressistas está marcada para o dia 16 de setembro.

Rodrigo Lemos (Solidariedade)

Rodrigo Lemos – Solidariedade / Foto: divulgação

O empresário do setor de saneamento, mais conhecido como Rodrigão, disputará a primeira eleição. Ex-militar, é formado em Gestão Pública e atualmente está cursando Bacharelado Interdisciplinar de Ciência e Tecnologia na UFRGS.  O currículo do pré-candidato do Solidariedade incluiu 20 anos de militância política e 10 anos de serviços públicos prestados à sociedade. A convenção do partido está marcada para 10 de setembro.

COMPARTILHAR